Arquivo | novembro, 2012

Treviso esteve no VI Encontro Estadual de Cooperação Técnica ASSEMAE / FUNASA

29 nov

O prefeito de Treviso João Réus Rossi juntamente com o secretário de Planejamento Ernany Moreti e o diretor do Samae João Carlos Lenhani estiveram ontem (28) no Centro de Eventos Terrafirme em São José no VI Encontro Estadual de Cooperação Técnica ASSEMAE / FUNASA, iniciado dia 28 e vai até 30 de novembro. Na ocasião aconteceu a assinatura do Termo de Cooperação Técnica na área de Saneamento Básico prevendo o auxilio da FUNASA nas questões referentes ao saneamento, e ainda disponibilizar profissionais especializados dependendo da necessidade de cada município. Para o prefeito de Treviso a ajuda da Funasa é essencial para os trabalhos de saneamento. “Precisamos de orientações para realizar as ações da melhor maneira possível visando o futuro da cidade”, observou. O superintendente Estadual da Funasa, Adenor Piovesan ressaltou que a parceria com Assemae do Estado resulta em ações benéficas para a população, pois as atividades das instituições convergem para a universalização do saneamento.

Treviso foi um dos 14 municípios que fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Saneamento Ambiental do Sul de Santa Catarina (Cisam – Sul) ou do Consórcio Intermunicipal de Saneamento Ambiental do Meio Oeste de Santa Catarina (Cisam-MO) e assinaram o Termo de Cooperação Técnica.
Além da comitiva de Treviso estiveram no evento o prefeito de Orleans e presidente do Consórcio Cisam-Sul Jacinto Redivo, o prefeito de Capinzal e presidente do Consórcio Cisam-Meio Oeste Leonir Boaretto, a presidente da Assemae/SC Elisabet Sartori, o presidente nacional da Assemae Silvio José Marques e o superintendente Estadual da Funasa Adenor Piovesan, além dediretores das autarquias municipais, técnicos, assessores municipais.

 
 
 
Laís Mari Rabelo
Assessoria de Imprensa 
Prefeitura de Treviso – SC
Anúncios

Samae de Treviso faz palestra para alunos de Anitápolis

22 nov

Retribuindo a visita feita pelos alunos de Anitápolis, o Samae de Treviso foi até o município na última terça-feira (20) para ministrar uma palestra sobre a história e o funcionamento do Samae. Os palestrantes Hemelise Perovano e Domingos Stangherlin relataram o processo de implantação e as etapas de instalação da Estação de Tratamento da Água (ETA).  Os moradores do município de Anitápolis ainda não contam com água tratada, porém o projeto para construção da ETA está sendo estudado e em função das semelhanças entre os dois municípios o sistema de Treviso serve como exemplo. O encontro aconteceu na Escola Estadual Antino Flores com realização do Projeto Ambial, coordenado pelas professoras Marciane Walter de Pieri e Margareth Mates. Na ocasião estiveram presentes o atual prefeito de Anitápolis Saulo Weiss e o prefeito eleito Marco Medeiros, além do secretário de Saúde e Saneamento Sérgio Souza e demais autoridades do município. 

Laís Mari Rabelo
Assessoria de Imprensa 
Prefeitura de Treviso – SC

Jair Comin e Isonete comemoram bodas de Prata

22 nov

Realizada na quarta (21), onde Jair Comin e ISonete comemoraram 25 anos de casados com uma missa celebrada pelo Padre Claudio na matriz Nossa Senhora Aparecida , em Siderópolis.
Após a missa, o casal juntamente com os seus amigos do “Movimento de Irmãos”, de Siderópolis  Ladeado pelos Filhos, Cristiano, Cristiani e Liliane, o casal era só alegria.

Amabile de Bona Feltrin : 6° ano do Ensino Fundamental II

21 nov

 ´´Visita a cada irmão oh meu Senhor , dai lhe paz interior e razões para te louvar…“(parte de uma música) ´´ E hoje, é um dia muito especial por que estamos felizes em poder transmitir a você um pouco de nossa alegria! Carisma! E as palavras de São Luíz Orione!“ (palavras ditas pelos alunos). Esta duas expressões descritas fizeram parte da reflexão, atuação de mais um momento solidário do Projeto Solidariedade que o Colégio Dom Orione realiza; ou seja, durante todo o ano letivo os alunos de quase todas as turmas do colégio visitam idosos  ou doentes.  
            Com muito carinho, dedicação e respeito para com quem vamos visitar, os alunos do  6° ano do Ensino Fundamental II criaram uma bonita homenagem para a avó de uma das alunas da turma, Renata F. de Mattia, nesta atividade os alunos formaram frases, elaboraram mensagens, paródias, orações entre outras, tudo para prestigia – la. A ansiedade de chegar o dia tomou conta da turma, e então logo, dia vinte de novembro no período matutino realizamos esta ação solidária.
            O dia  estava muito especial, pois o sol iluminava o céu, a espiritualidade estava presente na áurea dos alunos e a alegria transparecia no semblante de dona Amabile e sua família a nos esperar. Fomos muitíssimos bem recebidos, além de dona Amabile deixar sua casa de portas abertas para escolhermos onde queríamos fazer nossas homenagens, contamos também com a simpatia, dedicação, carisma de sua filha Dileta, sua nora Adriane e seu filhinho que nos acompanharam em todo o encontro. Cantamos, rezamos, entregamos nossas lembranças e por fim chegou o momento que é o mais importante de nossa visita,  ouvimos as histórias que dona Amabile tinha para nos contar. Falar dela é descrever uma mulher muito animada, carinhosa, comunicativa, de uma iluminada beleza interior e uma conservada aparência exterior, batalhadora, alegre entre outros valores. Conta com 70 anos, moradora da comunidade de Santa Luzia, natural de São Martinho Baixo, construiu sua família com muita união, amor, concebendo 4 filhos (1 homem e 3 mulheres), 6 netos e ainda nenhum bisneto. Sendo que, há 19 anos é viúva, mas mesmo perdendo seu esposo nos relata com muita alegria que  sempre teve a presença e companhia de sua família. Se considera uma pessoa muito feliz , pois um dos motivos é o de estar de bem com sua saúde, estar lúcida, não precisar tomar remédios e poder realizar suas necessidade e tarefas sozinha. Dentre os relatos, quatro deles foram o que mais chamou a atenção dos alunos: o primeiro que seu pai não era um homem bravo, mais ensinou todos seus filhos a trabalhar bastante. O outro foi sua disposição  para realizar as atividades doméstica além de adorar fazer crochê. Os dois últimos se relacionavam com seus estudos, que, de ante mão, disse aos alunos que ninguém seguisse seu exemplo: pois não gostava de ir para a escola, então se escondia nas árvores até que desse o horário de saída da turma para voltar para casa. E, sendo assim havia apenas dois motivos que gostava de entrar para a sala, um deles quando tinha festinha para comer comida diferente e o outro quando tinha brincadeiras a corrida no saco e a corrida do ovo.
            Encerrando nossa visita dona Amabile deixou dois pedidos para nós, que os alunos nunca deixasse de estudar e que no próximo ano gostaria que fossemos visita –la novamente. E fez questão de demonstrar sua alegria e gratidão nos oferecendo um delicioso banquete acompanhado de uma lembrança, ou seja,  um saquinho cheio de doçuras.  Agradecemos a Deus por mais uma visita realizada pela oportunidade de conhecer mais uma idosa de nossa cidade e pela disponibilidade que o motorista Caçula dedica um parte de seu tempo para nos conduzir até estas residências e poder concretizar nossa Ações Solidárias.

Treviso – Notícias da cidade de Treviso 20/11

20 nov

Treviso se prepara para o natal
Aproximadamente 400 mil lâmpadas vão iluminar o natal dos trevisanos. O acender das luzes está marcado para 1º de dezembro. Todo o centro da cidade estará decorado. O tradicional presépio será montado na praça da Igreja Matriz assim como a casa do papai noel. Quem chegar ao município já vai sentir o clima de natal com a decoração do trevo principal de acesso, no pórtico e também em todas as comunidades. O diferencial para este ano está na decoração da Casa da Memória. A casa abriga a história de Treviso e seus colonizadores e também é um ponto de informações turísticas.

“Trabalho com isso há mais de 15 anos e ainda me emociono”, conta o eletricista responsável Avelino Souza.
Volta Redonda e Rio Morosini contam com rede de abastecimento de água tratada

Através da Associação de Desenvolvimento da Microbacia - ADM, com o apoio
da Administração Municipal de Treviso e em parceria com a Carbonífera
Belluno as comunidades de Rio Morosini e Volta Redonda agora têm
abastecimento com água tratada. A Estação de Tratamemto da água, a ETA,
foi implantada em novembro e beneficia mais de 100 famílias. “É um
importante passo para a melhoria da qualidade de vida e para a saúde dos
moradores das duas comunidades”, analisa o vice-presidente da ADM Mário
Anéli Neto.

A Prefeitura tem como objetivo atender todos os bairros com água tratada.
“Atualmente estamos abastecendo cerca de 60% da população do município”,
conta o diretor do Samae de Treviso João Carlos Lenhani. Para o prefeito
João Réus Rossi a expectativa está na conclusão do Projeto de Saneamento.
“O projeto está em andamento e esperamos que fique pronto até o início de
2013”, observa.

Noite do Pijama agitou alunos de Treviso 
Os alunos do pré-escolar da Escola Municipal Professora Angelina Remor de Luca participaram da Noite do Pijama na quarta-feira (14). Com brincadeiras, jantar e café da manhã os alunos confraternizaram e comemoraram a conclusão do ano letivo e dessa etapa da vida acadêmica.
Atividades realizados por grupos da Proast serão expostas 
A Promoção e Assistência Social de Treviso- Proast realiza nesta quinta e sexta –feira (22 e 23) a exposição dos trabalhos realizados pelos clubes de mães, grupos da 3ª idade e das crianças no Salão Paroquial da Igreja Matriz. São itens em tecido com bordados. “A exposição é aberta ao público e esperamos a participação de toda a comunidade”, convida a presidente da Proast Marlene Spricigo Rossi.
Laís Mari Rabelo
Assessoria de Imprensa
Prefeitura de Treviso – SC

Festa em honra a Santa Luzia 08/12

20 nov

Siderópolis – Notícias da câmara de vereadores 19/11

20 nov

Vereadores pedem agilidade nas obras da Rua Pietro Ferro

Durante a sessão do dia 19 de novembro, vereadores encaminharam requerimento para a Confer, solicitando que a mesma agilize os trabalhos de pavimentação da Rua Pietro Ferro, na Vila São Jorge.
De acordo com o Vereador Luis Salvaro (PSDB), a empresa Confer iniciou as obras há cerca de 60 dias e a gruta ficou sem estacionamento. “É uma irresponsabilidade da empresa perante a comunidade”, afirmou.
O Vereador Romildo Soares (PMDB), ressaltou já faz 30 dias que as máquinas foram colocadas na referida rua, e nada acontece. “Está um transtorno. É um descaso da empresa para com os moradores. São apenas 220 metros para concluir o trecho e passar uma camada asfáltica”, concluiu Soares.
O requerimento foi aprovado por unanimidade. 
Câmara presta condolências às famílias enlutadas 
A Presidente da Câmara, Vereadora Jucélia Longo Scaini (PMDB), utilizou a tribuna, durante a sessão do dia 19 de novembro, para prestar condolências para as famílias do Sr. Aldo Silveira e do Sr. Jovino Caetano Demetrio, falecidos nesse fim de semana.
A Câmara de Siderópolis manifesta pesar para as famílias enlutadas.