Arquivo | outubro, 2010

>Olavo e Jandira Rovaris

29 out

>

Filhos de imigrantes italianos e de religião católica casaram no dia 22/10/56 na cidade de Siderópolis. Olavo Rovaris nasceu (22/03/37) em Treviso, trabalhou na oficina mecânica por 35 anos na CSN, onde se aposentou. Jandira Cesa Rovaris nasceu (06/06/34) na comunidade de Nossa Senhora da saúde (Siderópolis), sua ocupação do lar. Desta união tiveram 5(cinco) filhos (João, Leslie, Marcos, Paulo e Kênia), 10(dez) Netos (Karen, Samuel, Tami, Jamile, Felipe, Mateus, Vitor, Gustavo, Mônica e Artur) e 2(dois) bisnetos (Lucas e Otavio).

Anúncios

>Siderópolis conclui Plano Habitacional

28 out

>

O Governo Municipal de Siderópolis, através da Secretaria de Desenvolvimento e Habitação, finalizou no mês de outubro o Plano Local de Habitação de Interesse Social. O documento é um dos mais importantes instrumentos para implementação da Política Municipal de Habitação, atendendo princípio previsto na Constituição Federal, e planejando ações no setor de habitação prevendo os próximos 16 anos.

Com a participação de entidades e da sociedade civil, Siderópolis foi um dos primeiros municípios da região carbonífera a finalizar o plano e a partir de então está apto a pleitear recursos na área habitacional. Atualmente o problema maior é para 225 famílias que não possuem residência em condições de habitar.

A atual administração concluiu em 2009 a entrega de 107 casas populares, reduzindo sensivelmente a demanda reprimida. “Temos encaminhado vários projetos, entre eles um que busca recursos que possibilitem reforma em residências precárias, outro problema apontado no plano habitacional”, explica a Secretária Magna Stopazzolli.

Também está em tramitação projeto para inclusão de Siderópolis em programas habitacionais, como o Minha Casa, Minha Vida, já que o Plano Local de Habitação de Interesse Social indicou entre as necessidades, a prioridade para as famílias com renda mensal de até três salários mínimos. “O Plano possui metas de médio e longo prazo para sanar o déficit habitacional”, afirma Magna.

Assessoria de Imprensa Prefeitura de Siderópolis

>Um torcedor apaixonado pelo trigre

28 out

>

Um torcedor apaixonado pelo trigre

Delir Rossa nasceu (28/01/41) na comunidade de São Martinho (Siderópolis). Um torcedor que chama a atenção de todos, pois além de freqüentar os jogos do Criciúma Esporte Clube desde a década de 60, também acompanha seu time através do seu inseparável rádio, onde fica bem informado sobre o seu time do coração. Relembra com muita alegria o ano de 1986, o Criciúma E. C. foi campeão do estado, até então seu arquirival Joinville E. C. levantou por 9(nove) anos consecutivos o troféu. A maior tristeza foi ver em 1985 o time não se classificar para as oitavas de final do catarinense. No jogo que decidiria o acesso ou não do Criciúma E. C. para a série B, estava ansioso, pois queria ver seu time subir e agora ele quer mais, quer ver o seu time na série A do brasileiro. O torcedor tem plena convicção de que ninguém segura o Criciúma, por que agora é feita uma administração com transparência e tendo um líder como Antenor Angeloni tudo vai dar certo. Quanto aos torcedores ele faz um pedido que se associem ao “Tigre” para ele ficar cada vez mais forte. Delir se considera um torcedor apaixonado, e diz que: “o verdadeiro torcedor não é aquele que só aplaude seu time nas horas boas e sim aquele que esta com o time nos momentos ruins”.

>Oficina Magagnin e sua história

28 out

>

João Rosso que nasceu em Siderópolis (30/10/1934), começou esta história, pois trabalhava na oficina de manutenção exclusiva dos ônibus da empresa hoje ZTL, não podendo assim atender os demais veículos da cidade que precisassem de algum reparo.

A idéia de ter sua própria oficina veio pela necessidade de se ter em Siderópolis uma oficina mecânica que atendesse a todos os veículos, onde na época eram deslocados até a vizinha cidade de criciúma para fazer os reparos.

Em 1959 o Sr João Rosso em sociedade com seu pai Roberto Rosso, que possuía a área de terra para a construção da oficina e o filho entraria com a mão de obra.

Feita a sociedade e construída a oficina num barracão de 15×18, começaram a trabalhar e os serviços prestados eram: mecânica, chapeação, pintura, lavação e ainda serviços de solda trazidos pelos agricultores da região.

Por motivo de saúde decidiu vender a oficina, foi então que em 17 de novembro 1962 recebeu a visita em sua oficina do Sr. Waldemar Magagnin, que foi ao local para consertar sua motocicleta e conversa vem conversa vai, entraram num acordo e o Sr. João Rosso acabou vendendo a oficina ao Sr. Waldemar continuando com os mesmos serviços prestados pelo proprietário anterior, isso até 1971, quando fechou as portas da oficina por motivos financeiros (fiado).

O Sr. Waldemar Magagnin apostou a sorte na compra de um caminhão (Dodge 1971) trabalhando na pavimentação da BR 101, onde no ano seguinte foi tarbalhar no estado do Rio Grande do Sul, ficando assim a oficina sob a direção de Valcos Magagnin.

Em 1978 o pavilhão que era de madeira foi reconstruído todo em alvenaria.
Após a reforma reiniciaram as atividades pai e filho (Waldemar e Valcos), quando em 1987 entraria para sociedade o Sr. Sergio Tramontin, onde os serviços prestados eram: mecânica, chapeação, pintura e lavação.

No ano de 1989 com o fim da sociedade com Sérgio e na falta de um mecânico novamente as portas da oficina foram fechadas.

Foto acima: 85/90 quando era gerenciada por Sergio Trombim e Waldemar Magagnin, quando o nome era “Mecânica Algadiesel – Onde Algadiesel queria dizer: Álcool, Gasolina e Diesel”.

Novamente reiniciou suas atividades em 1989 somente com chapeação e pintura, isso até 1994, quando Valcos decidiu fechar a oficina indo trabalhar na Inglaterra no ramo de chapeação e pintura para se especializar na profissão, durante nove anos trabalhou na “Alexandra Motors Group”.

Retornou para o Brasil em 2008 reformando e modernizando o local com equipamentos modernos, inclusive com cabine de pintura pressurizada e laboratório para preparação das tintas.

Sob a direção de Valcos Magagnin a “MAGNUN AUTO CAR” funilaria e pintura qualificada multimarcas trabalha com: Espelhamento e cristalização, cabine de pintura pressurizada com aquecimento e laboratório para preparação de tintas.

Esta situada na rua Dr° Jorge Lacerda, 431 – Centro – Siderópolis SC –.

Fone (48) 9988 – 2607 – E-mail: valcos@hotmail.co.ukEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

>Siderópolis/Unesc perde para Joinville

28 out

>

O time de futsal masculino de Siderópolis/Unesc foi derrotado na noite desta quarta-feira (27) para Joinville pelo placar de 5 a 2. Jogando no Ginásio do Colégio São Bento, em Criciúma, os comandados de Serginho Lopes não conseguiram segurar a força da equipe do norte do Estado. Vinícius e Roque fizeram os gols de Siderópolis.
Na próxima terça-feira (2), feriado de Finados, a equipe volta a quadra para enfrentar Ibirama, novamente do Ginásio do Colégio São Bento pela 4ª rodada do returno do campeonato catarinense da Divisão Especial. “A diferença é muito grande para um time que disputa a Liga Nacional e está interessada nesta competição. Vamos buscar três pontos contra Ibirama para continuarmos na briga”, afirma o treinador.
Assessoria de Imprensa Prefeitura de Siderópolis

>Revitalização do cemitério municipal em Siderópolis

27 out

>

Quem ir ao cemitério municipal no dia de finados (02/11), notará que está sendo realizado um trabalho de revitalização da fachada, onde fica a entrada principal. Uma das razoes foi a exigência da vigilância sanitária e a outra para melhorar a aparência do local.

>Prefeitura solucionando problema de esgoto na Sebastião Toledo dos Santos

27 out

>

Morador irritado com o problema procurou os responsáveis pelo setor na prefeitura municipal e Siderópolis, onde prontamente foi atendida. O problema ocorreu devido ao excesso de peso dos caminhões que ali trafegam, com, pois aos poucos foi amassando o cano plástico usado para escoar o esgoto. A obra está sendo executada.

Solução dos problemas para que todos possam viver em harmonia.